Há jazz no Saldanha

O Avila Spaces, um espaço de co-work na zona do Saldanha, em Lisboa, vai acolher um novo ciclo de jazz. A primeira edição do Saldanha jaZz realiza-se na próxima sexta-feira, dia 8 de Março, às 19h00, com um concerto do The Invisible Trio (Mattia Corda no trompete, Ricardo Quintas no clarinete e Simone Carugati na guitarra). O ciclo é promovido pela produtora Out of the Blue e promete ter regularidade mensal.

Art Loft vai acolher muita improvisação

Luís Vicente / Hugo Antunes / Pedro Melo Alves

O Art Loft é uma galeria de arte lisboeta que vai começar a promover concertos de música improvisada. Estão já agendados alguns concertos para os próximos meses: no dia 13 de Abril toca o trio Luís Vicente / Hugo Antunes / Pedro Melo Alves; a 18 de Maio actua o trio Luís Vicente / Olie Brice / Mark Sanders; a 8 de Junho apresenta-se ao vivo o duo Carlos Zíngaro e Ulrich Mitzlaff; e no dia 12 de Julho a galeria acolhe o trio Luís Vicente / Seppe Gebruers / Onno Govaert. A galeria Art Loft fica situada no Príncipe Real e os concertos têm início marcado às 20h30.

Veia, Zamora e Toscano em Évora

Veia

Vem aí a segunda edição do Évora Jazz Fest. O festival alentejano realiza-se entre os dias 15 e 17 de Março no Teatro Garcia de Resende. O programa apresenta concertos de Victor Zamora Trio, Veia (duo de Elisa Rodrigues e Isabel Rato), Ricardo Toscano Quarteto e Sumrrá (trio da Galiza). O programa completa-se com os concertos “after hours”: Havana Way, Seven Dixie e Beck & Lopes Grupo. O Évora Jazz Fest irá ainda promover a exposição de fotografia “Jazz, uma história a preto e branco” de Anabela Carreira.

Samuel Rohrer anuncia novo projecto Dark Star Safari

Samuel Rohrer foi um dos vértices do trio que gravou o brilhante disco “Brightbird“. Agora, o baterista suíço prepara-se para editar o disco de estreia de um novo projecto, chamado Dark Star Safari. Neste super-quarteto Rohrer tem a companhia de Jan Bang (voz e electrónica), Erik Honoré (sintetizadores), Eivind Aarset (guitarra e electrónica). O disco de estreia do grupo será editado em Maio pela editora ArjunaMusic.

Nubya Garcia toca em Lisboa

Já sabíamos que Nubya Garcia iria tocar a Braga, agora ficamos a saber que vai também actuar em Lisboa, naquela que será a sua estreia na capital portuguesa. A saxofonista londrina, que editou no ano passado o EP “When We Are” e é uma das grandes revelações do jazz contemporâneo, vai actuar no Musicbox no dia 11 de Julho. Os bilhetes já estão disponíveis (Bilheteira Online e locais habituais) e custam 10€.

João Lencastre vai ao CCB

O baterista João Lencastre vai apresentar-se ao vivo no Centro Cultural de Belém no dia 2 de Março. Lencastre vai levar ao Pequeno Auditório do CCB o seu trio Communion 3, onde tem a companhia do contrabaixista norueguês Eivind Opsvik e do pianista norte-americano Jacob Sacks. O grupo leva na bagagem o material do disco “Movements in Freedom“, publicado o ano passado pela Clean Feed.

Rui Eduardo Paes apresenta novo livro

Rui Eduardo Paes [Fotografia: Paulo Leal Duarte]

O musicólogo Rui Eduardo Paes vai apresentar um novo livro. O novo trabalho, com o título “O Fagote de Shatner”, vai contar com ilustrações de Rudolfo e será publicado pela editora Chili Com Carne. Neste seu novo livro, o décima obra publicada pelo ensaísta, editor da Jazz.pt e programador, serão abordados três temas centrais:  o sexo, a loucura e a morte. Está prometida uma abordagem ampla, que atravessa “o jazz criativo, a música improvisada e os vários experimentalismos do presente”, mas também passará “pelo hip-hop queer, pelo nintendocore e por outras correntes menos conhecidas”.

O evento de apresentação do livro terá lugar na SMUP, na Parede, no dia 16 de Março, às 22h00. Além da apresentação do livro, que conta com André Calvário e João Sousa como oradores, o evento vai contar com actuações musicais de três projectos experimentais: Ameeba, Salomé e Svayam. O trio Ameeba junta Frederico Pais (guitarra eléctrica), Carlos Paes (baixo eléctrico) e Pedro Lourenço (bateria). Salomé é um projecto que reúne Ricardo Jacinto (violoncelo, electrónica), André Calvário (baixo eléctrico) e Patrícia Guerra (bateria). E Svayam é um projecto a solo de João Sousa, que utiliza taças tibetanas e guitarra. O evento tem entrada livre, mediante donativos para os músicos.

Jazz de regresso a Seia


Fred Lonberg-Holm

Aproxima-se mais uma edição do Festival Seia Jazz & Blues, que se realiza entre os dias 18 e 24 de Março, numa iniciativa do Município de Seia em parceria da Escola Profissional da Serra da Estrela, o Conservatório de Música de Seia e o Festiva DME – Dias da Música Eletroacústica. O festival vai apresentar concertos de Budda Power Blues, Elas e o Jazz, Voro Garcia e o trio Ernesto Rodrigues / Fred Lonberg-Holm / Rodrigo Pinheiro, entre outros. Mais informações na página do festival.

Culturgest anuncia Vijay Iyer & Craig Taborn e The Necks

Vijay Iyer & Craig Taborn

A Culturgest acaba de anunciar a programação musical até Maio. No âmbito do jazz destacam-se dois concertos de projectos internacionais: o duo americano Vijay Iyer & Craig Taborn (a 19 de Março) e os australianos The Necks (a 16 de Maio). Iyer e Taborn vão apresentar o espectáculo “The Transitory Poems”, extraordinário duo de piano contemporâneo, que será editado em disco em Março (via ECM Records). Os The Necks, trio de Tony Buck, Chris Abrahams e Lloyd Swanton, continuam a ser uma das bandas mais originais a trabalhar a partir de uma matriz jazz e editaram no ano passado o soberbo disco “Body“. O programa inclui ainda  o espectáculo “Agora Muda Tudo”, projecto de Nuno Côrte-Real com a participação da cantora Maria João e do Ensemble Darcos (a 28 de Março).

São Luiz anuncia Festival de Jazz de Lisboa

John Hollenbeck [Fotografia: Scott Friedlander]

O Teatro São Luiz vai promover o novo Festival de Jazz de Lisboa e acaba de anunciar a programação do festival, que se realiza entre os dias 27 e 31 de Março de 2019. Organizado em parceria com o Hot Clube de Portugal, o festival vai apresentar concertos de Orquestra Jazz do Hot Clube de Portugal (com o convidado John Hollenbeck), Sexteto Bernardo Moreira, João Barradas’ Portrait (com o convidado Mark Turner), Filipe Raposo (a apresentar “ØCRE”), Coreto, Big Band Júnior com Inês Laginha, Jeff Williams’ Lifelike e João Lencastre’s Communion. Os concertos têm lugar na Sala Luís Miguel Cintra, com excepção do concerto da Big Band Júnior que se realiza na Sala Bernardo Sassetti. Aqui fica o programa completo do festival.

27 Mar, 21h00: Orquestra Jazz do Hot Clube de Portugal convida John Hollenbeck
28 Mar, 21h00: Sexteto Bernardo Moreira “Entre Paredes”
28 Mar, 22h30: João Barradas’ Portrait c/ Mark Turner
29 Mar, 21h00: Filipe Raposo ØCRE
29 Mar, 22h30: Coreto
30 Mar, 16h00: Big Band Júnior com Inês Laginha
30 Mar, 21h00: Jeff Williams’ Lifelike
30 Mar, 22h30: João Lencastre’s Communion
31 Mar, 16h00: Workshop Jazz Band c/ direção de Greg Cohen