Janeiro no Hot Clube

Drew Gress

O Hot Clube de Portugal já apresentou a programação para o mês de Janeiro de 2018. Pela Praça da Alegria vão passar vários projectos internacionais: Randy Ingram & Drew Gress, Dan Hewson Trio, Trio Initiatives (Jean-Christophe Cholet, Gildas Boclé e Quentin Cholet) e um novo projecto de Demian Cabaud com músicos estrangeiros; actuam ainda vários projectos portugueses: Septeto do Hot Clube, André Rosinha, Laurent Filipe, NOA, Maria João, TubaBones e um concerto solidário para a Associação Terra dos Sonhos. As jam sessions – sempre às terças-feiras, com entrada livre – são organizadas pelo saxofonista César Cardoso.

Programa completo [PDF]

Público: O melhor jazz do ano

1 Vijay Iyer – “Far From Over” (ECM)
2 James Blood Ulmer & The Thing – “Baby Talk” (Trost)
3 João Barradas – “Directions” (Inner Circle)
4 Kamasi Washington – “Harmony of Difference” (Young Turks)
5 Cortex – “Avant-Garde Party Music” (Clean Feed)
6 Ambrose Akinmusire – “A Rift in Decorum” (Blue Note)
7 João Paulo Esteves da Silva Trio – “Brightbird” (Arjuna)
8 Matt Mitchell – “A Pouting Grimace” (Pi)
9 Eve Risser & Kaja Draksler – “To Pianos” (Clean Feed)
10 Pedro Melo Alves – “Omniae Ensemble” (Nischo)

Artigo completo no site Público / Ípsilon:
https://www.publico.pt/2017/12/22/culturaipsilon/noticia/o-melhor-do-jazz-1796743

Todos os balanços de 2017: publico.pt/balanco-2017

Nasceu um novo colectivo: We Have Voice

Inspirado pelo movimento #MeToo, nasceu um novo colectivo artístico com o objectivo de alertar, sensibilizar e actuar contra o assédio sexual e a discriminação. O colectivo We Have Voice reúne um conjunto mulheres artistas, onde se incluem instrumentistas, compositoras e improvisadoras como Nicole Mitchell, Okkyung Lee, Tia Fuller ou a portuguesa Sara Serpa. O colectivo lançou uma “carta aberta” que foi disponibilizada no site do colectivo – wehavevoice.org – e que pode ser assinada online.

Anouar Brahem leva “Blue Maqams” à Gulbenkian

O tunisino Anouar Brahem vai apresentar ao vivo na Gulbenkian o material do álbum “Blue Maqams“. Nesse álbum Brahem combina as tradições mediterrânicas com a linguagem do jazz, liderando um quarteto que junta o pianista inglês Django Bates e dois monstros do jazz contemporâneo: o contrabaixista Dave Holland e o baterista Jack DeJohnette. Editado pela ECM, este disco mereceu o aplauso da crítica e vem figurando em algumas listas de melhores do ano. O concerto terá lugar no dia 16 de Abril de 2018, às 21h00, e os bilhetes já estão à venda.

Novo programa sobre jazz português na Antena 1

A rádio Antena 1 vai acolher um novo programa sobre a história (e as estórias) do jazz português. Com apresentação do saxofonista Carlos Martins e do radialista António Macedo, o  programa “Sem Ensaio” vai receber vários convidados ligados ao jazz. Segundo a notícia do jornal Público, estão desde já confirmados vários convidados: João Barradas, Maria João, Ricardo Toscano, João Paulo Esteves da Silva e André Santos. O programa vai estrear a partir da meia-noite desta quinta-feira.

Culturgest anuncia primeiro trimestre de 2018

 Joana Guerra

A Culturgest acaba de apresentar a programação para o primeiro trimestre de 2018. Seguindo ainda a linha de programação de Miguel Lobo Antunes, que definiu a marca Culturgest ao longo de mais de dez anos e foi recentemente substituído por Mark Deputter, o programa continua a reflectir a diversidade das músicas contemporâneas.

Nos campos do jazz e da improvisação a Culturgest apresenta um programa rico e diverso: Huntsville (excelente trio norueguês experimental, 12 Janeiro); Ricardo Toscano Quarteto (estreia no Grande Auditório, 27 Janeiro); Home (grupo liderado por João Barradas, 2 Fevereiro); Carlos Bica / Daniel Erdmann / DJ Illvibe (novo trio em estreia nacional, 2 Março); e Hang ‘Em High (trio de Bond, Lucien Dubuis e Alfred Vogel, 17 Março).

Um dos pontos altos do primeiro trimestre é a 11ª edição do festival Rescaldo, que se realiza entre 16 e 24 de Fevereiro. O festival que promove os projectos musicais mais exploratórios vai acolher as actuações de: Maria da Rocha, Diana Combo + Rafael Toral + Pedro Centeno, Joana Guerra, Harmonies, Joana Gama, Vítor Rua & The Metaphysical Angels, Citizen:Kane & Hobo, Mmmooonnnooo + Quim Albergaria, EITR + Gabriel Ferrandini, Farwarmth e 10.000 Russos + Jonathan Uliel Saldanha.

Pernadas e Toscano estreiam parceria no CCB

Os músicos Bruno Pernadas e Ricardo Toscano vão apresentar uma parceria inédita no Centro Cultural de Belém. O concerto realiza-se no dia 15 de dezembro, sexta-feira, às 21h00. O saxofonista Toscano será o solista principal de um ensemble, conduzido por Pernadas, que vai interpretar música original. O compositor, guitarrista e multi-instrumentista Bruno Pernadas apresenta o projecto.

 

Como nasceu a ideia de colaborares com o Ricardo Toscano?
Foi um convite por parte do CCB. A ideia foi aceite e assim se vai concretizar, juntar um ensemble de onze músicos (sopros, cordas, secção rítmica e vozes) tendo como principal solista o Ricardo Toscano.

Já conhecias o Ricardo Toscano, já tinhas tocado com ele?
Sim, já conhecia, já toquei com ele em jam sessions de jazz e acho que é dos melhores músicos nacionais da sua geração.

Que música vão tocar? Será música do “Worst Summer Ever” e do “Crocodiles”?
Vamos tocar música composta especialmente para este concerto. Comecei a escrever a música e arranjos há um ano atrás. Inevitavelmente iremos tocar dois temas do disco “Crocodiles”.

Há ideia de continuar a parceria para além deste concerto?
Sim, possivelmente para novo disco.

Dezembro na Porta-Jazz


Mário Santos

Após o sucesso da maior edição de sempre do festival Porta-Jazz, a associação portuense apresentou a sua programação de concertos para o mês de Dezembro, com dois projectos nacionais (Sexteto de Mário Santos e Quinteto de Vítor Pereira) e um grupo internacional (o quarteto da galega Lucía Martínez com o convidado Enrique Martínez). Os concertos são sempre aos sábados na Sala Porta-Jazz – Avenida dos Aliados, 168, 4º – e todos os concertos incluem duas sessões: a primeira às 19h00, a segunda às 22h00. Aqui fica o programa:

16 Dez: Sexteto Mário Santos
23 Dez: Quinteto Vítor Pereira
30 Dez: Lucía Martínez Quarteto & Enrique Martínez

Editado: O concerto de Lucía Martínez Quarteto & Enrique Martínez, previsto para o dia 30, foi adiado para nova data a confirmar. [Informação de 29 Dezembro]

Sunny Murray (1936-2017)

O lendário baterista Sunny Murray, um dos pioneiros do free jazz, morreu no dia 8 de dezembro. Percussionista original, participou em discos lendários como “Spiritual Unity” (Albert Ayler, 1964), “Yasmina, a Black Woman” (Archie Shepp, 1969) e “Echo” (Dave Burrell, 1969); na condição de líder gravou discos marcantes como “Sonny’s Time Now” (1965), “Sunny Murray” (1966) e “Sunshine” (1969). Actuou por várias vezes em Portugal e chegou a colaborar com os portugueses Telectu, parceria registada no disco “Quartetos” (2002). Descanse em paz.

Obituário no jornal Público:
https://www.publico.pt/2017/12/09/culturaipsilon/noticia/morreu-o-lendario-baterista-de-jazz-sunny-murray-1795436

Lx Jazz Sessions de regresso


Pablo Lapidusas

As Lx Jazz Sessions, que animaram o Bicaense durante o Verão, estão de regresso durante o mês de Dezembro, agora no bar Rive Rouge, em Lisboa. Todas as quartas-feira há concertos de jazz: Ricardo Toscano Quarteto (dia 6); Mark de Clive-Lowe (dia 13); Chiara Civello (dia 20); e PLINT – Pablo Lapidusas Internacional Trio (dia 27). A entrada é livre, os concertos arrancam sempre às 22h30 e após os concertos há DJ set com DJ Johnny.