Going em estreia nacional

João Lobo [Fotografia: Vera Marmelo]

O grupo Going, que integra o baterista português João Lobo, vai actuar pela primeira vez em Portugal para apresentar o seu novo disco. O quarteto trabalha uma música experimental e reúne Pak Yan Lau (teclados e efeitos), Giovanni Di Domenico (Fender Rhodes e efeitos), Mathieu Calleja (bateria) e Lobo (bateria). O grupo prepara-se para editar o disco “Going III (Disque D’ORgue)”, numa co-produção Meakusma/Silent Water, e vai apresentar-se ao vivo em quatro datas entre o norte e o sul do país. Aqui fica a agenda completa da tour nacional.

31 Out: Antiga Casa da Cultura, Caldas da Rainha
2​ Nov: Damas, Lisboa
3​ Nov​:​ SMUP, Parede
4​ Nov: Sonoscopia, Porto

Miguel Ângelo aventura-se a solo

O contrabaixista Miguel Ângelo acaba de anunciar a edição de um novo disco. Membro dos grupos Ensemble Super Moderne, MAP e Pedro Neves Trio, também líder do seu próprio quarteto (que gravou os discos “Branco” e “A Vida de X”), atira-se agora a uma aventura a solo, sem rede, focado numa música livremente improvisada. O novo álbum, com o “I think I’m going to eat dessert”, será editado pela Creative Sources e vai ser apresentado ao vivo no dia 5 de Novembro no ciclo Solilóquios (Porto).

O contrabaixista apresenta assim o disco: “Fazer música é um ato de ousadia, chega mesmo a ser um ato de loucura, fazê-lo a solo é o ainda mais. Desde sempre estive envolvidos em processos de criação a solo, sobretudo numa vertente multi-instrumentista, gosto do que me tira dos eixos e dos caminhos habituais. Hoje, sinto-me com maturidade e desenvoltura suficiente para o fazer com o contrabaixo a solo. É música, sobretudo improvisada, experimental, onde exploro os sons e vozes do contrabaixo, afinações, timbres e alguns efeitos e loops, tudo criado em tempo real.”

Brötzmann & Black Bombaim de regresso

A parceria entre o lendário saxofonista alemão Peter Brötzmann e os portugueses Black Bombaim está de volta. Depois de concertos memoráveis e do excelente disco homónimo (edição conjunta Shhpuma + Lovers & Lollypops), Peter Brötzmann & Black Bombaim voltam a apresentar-se ao vivo em Portugal em duas datas:  no dia 25 de Outubro no Musicbox (Lisboa) e no dia seguinte, 26, no Passos Manuel (Porto). O concerto do Porto conta com a primeira parte de Paisiel, projecto do percussionista João Pais Filipe e do saxofonista alemão Julius Gabriel.

João Lencastre apresenta a sua nova batida


João Lencastre e Alexandre Frazão

O baterista João Lencastre acaba de lançar o seu novo projecto Share Your Beat, uma série de vídeos disponibilizados online que registam momentos em duo com bateristas – música em duo e entrevista/diálogo. Em exclusivo, o baterista apresenta este novo projecto.

O que é o Share Your Beat?

Em cada programa há um convidado diferente e o programa divide-se em três partes. Na primeira parte há uma improvisação em que o convidado tem total liberdade para tocar o quiser e partilhar por assim dizer o “seu beat”. Na segunda parte há uma conversa entre mim e o convidado sobre discos que mais o marcaram na sua evolução enquanto músico, que lhe deram uma direcção, e vai-se desenvolvendo assim uma conversa sobre música. A terceira parte é uma improvisação de duas baterias entre mim e o convidado. Esta primeira temporada conta com a participação de bateristas que vêm de backgrounds diferentes, desde o jazz, ao rock, world music, etc… E é esse o principal objectivo do programa, dar a conhecer as diferentes formas de expressão musical…  Continue reading “João Lencastre apresenta a sua nova batida”

Maranha leva “Cai-Bem” à ZDB


[Fotografia: Vera Marmelo]

David Maranha acaba de apresentar um novo disco, publicado pela editora Tanuki Records. Este novo trabalho é o resultado de um novo quarteto onde cada músico toca instrumentos com os quais estará, à partida, pouco familiarizado: David Maranha na bateria, Manuel Mota no baixo, Margarida Garcia no órgão e Miguel Abras na voz e multitrack cassete recorder. O novo disco “Cai-Bem” – título inspirado na Cova do Vapor – já pode ser ouvido e encomendado online. Assinalando esta edição, o quarteto de Maranha apresenta-se ao vivo na Galeria ZDB, em Lisboa, no dia 27 de Outubro (bilhetes a 6€). 

GUME na ZDB


Yaw Tembe [Fotografia: Vera Marmelo]

No próximo sábado, dia 16 de Setembro, a Galeria ZDB acolhe uma actuação dos GUME. O grupo reúne sete músicos nacionais: Yaw Tembe (trompete e voz), Tiago Fernandes (saxofone alto), André David (guitarra), Pedro Monteiro (contrabaixo), Sebastião Bergmann (bateria) e David Menezes (percussão). O septeto trabalha uma mescla de jazz elétrico e spoken sword e vai apresentar ao vivo o disco de estreia, “Pedra Papel”. O concerto arranca às 22h00, os bilhetes custam 6€ e os sócios ZDB têm entrada livre.

Trompetistas no Maria Matos


Peter Evans [Fotografia: Vera Marmelo]

O Teatro Maria Matos acaba de apresentar a programação para os meses de Setembro e Outubro e destacam-se desde logo dois concertos com dois trompetistas. No dia 26 de Setembro o prolífico norueguês Arve Henriksen junta-se em palco ao austríaco Fennesz (lembremos que “Endless Summer” é a banda-sonora para um versão perfeito) para uma actuação marcada pela electrónica, improvisação e experimentação. A 31 de Outubro o virtuoso Peter Evans leva ao Maria Matos o seu Ensemble com o espectáculo “Action / Metempsychosis”. O programa completo, que inclui ainda propostas diversas como um tributo a La Monte Young e as Pega Monstro (em atelier de formação musical), já está disponível no site do Maria Matos Teatro Municipal.

Out.Fest fecha cartaz

carroarder.jpg
Sei Miguel [Fotografia: Vera Marmelo]

O OUT.FEST, Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, acaba de fechar a programação para a sua 14ª edição. O festival realiza-se entre os dias 4 e 7 de Outubro em vários locais da cidade do Barreiro e vai apresentar concertos ligados ao jazz, como o trio Casa Futuro, o Quarteto de Sei Miguel e o trio de Alex Zhang Hungtai / David Maranha / Gabriel Ferrandini. Além destes, actuarão outros projectos como Black Dice, Simon Crab, Putas Bêbadas, Jejuno e DJ Nigga Fox, além das versões actuais das históricas bandas Pere Ubu (The Pere Ubu Moon Unit) e This Heat (This Is Not This Heat). O festival resulta de uma parceria entre a OUT.RA – Associação Cultural e a Filho Único e a programação completa está no site oficial: www.outfest.pt.

Barcelos vai ter Jazz ao Largo

Susana Santos Silva

Depois do sucesso da sua primeira edição em 2016, o festival Jazz ao Largo vai regressar a Barcelos, entre os dias 13 a 17 de Setembro. Os concertos voltam a ter lugar no exterior do Theatro Gil Vicente, no Largo Dr. Martins Lima, e serão apresentados três espectáculos principais: Tim Tim por Tim Tum (dia 14, 22h), quarteto de baterias de José Salgueiro, Alexandre Frazão, Bruno Pedroso e Marco Franco; Coreto Porta-Jazz (dia 15, 22h), colectivo que reúne nomes grandes da cena portuense, como Susana Santos Silva, João Pedro Brandão e José Pedro Coelho; e La La la Ressonance (dia 16, 22h), grupo de rock instrumental de Barcelos que, a convite da organização, irá apresentar um concerto inspirado na música de Charles Mingus. Além destes concertos o programa inclui duas “sessões de free jazz” na Frente Ribeirinha da Azenha: duo Susana Santos Silva + Jorge Queijo (dia 16, às 17h); e Gabriel Ferrandini + Pedro Sousa (dia 17, às 17h). Integrado no festival, será também exibido o filme “Bird” (dia 13, 22h), película de Clint Eastwood que retrata a vida de Charlie Parker, numa parceria com o Zoom – Cineclube de Barcelos. O programa completa-se com um workshop de improvisação, promovido pela dupla Santos Silva + Queijo (dia 16, às 15h). Todos os eventos têm entrada livre.